BELO DESASTRE – JAMIE MCGUARE

Oi, pessoal! Tudo ótimo com vocês? Seja bem vindos a primeira resenha que eu escrevo esse ano. Confesso que eu li esse livro em 2013, sim vocês não leram errado foi em 2013. Mas na época eu não fazia resenhas para o blog. Vocês devem estar se perguntado o porquê de eu fazer a resenha agora. Simplesmente eu li, ou melhor, devorei um livro que faz parte dessa série. Mas para eu resenhar precisava falar primeiramente desse que eu li há um tempão, mas que vira e meche eu pego para ler novamente.

Chega de mistérios, apesar de que vocês já sabem de qual livro se trata pelo título do post. SIM, é BELO DESASTRE!!! Eu também sou uma #TEAMMADDOX. Adoro o Travis! E era bastante injusto eu nunca ter escrito uma resenha sobre o livro dele. Mas antes tarde do que nunca. Chegou a hora de falar tudo que eu acho desse bad boy.

belo desastre

Belo desastre conta a estória do Travis Maddox, um típico bad boy que sempre tem uma conquista para todas as horas. Sério, o garoto nunca fica sozinho. Até que ele conhece a Abby Abernathy, que carinhosamente ele apelida de Beija flor. Abby, ao contrário das fãs do Travis, tentou a todo custo fugir do garoto. Abby tinha um passado obscuro e o que ela menos queria na sua vida era se envolver com um Maddox.

O problema é que o Travis era primo do namorado da melhor amiga da Abby (Confuso isso?). Mesmo querendo ficar longe dele, a Abby não consegue. Por causa de uma confusão ela e America vão passar uns dias na casa dos meninos, no caso, a casa do Travis e do primo dele que se chama Shepley. Ela e o Travis passam a ter uma “amizade”, já que a garota afirma que não será igual as outras que ele conseguia facilmente levar para cama. Apesar de não curtir muito ser só o amigo da Abby, Travis aceita a amizade, e mesmo sem querer ele se envolve com ela.

Travis não respondeu, apenas sorriu enquanto dava partida na moto. A viagem até o apartamento foi lenta, de um jeito que não lhe era característico. A cada sinal vermelho, ele cobria minhas mãos com as dele ou colocava a mão no meu joelho. Os limites estavam ficando tênues de novo, e eu me perguntava como passaríamos um mês juntos sem arruinar tudo. As pontas soltas da nossa amizade estavam se enrolando de um jeito que eu nunca tinha imaginado. (Página 79)

 Vocês já devem imaginar as confusões que irão acontecer. Mesmo tentando fugir do Travis, a Abby não consegue. Sério! Acho que nunca vi uns irmãos com uma genética tão boa! Além de serem lindos, eles sabem como conquistar uma garota. Tudo bem que o Travis é meio (totalmente) possessivo quando se trata da Abby, mas ele realmente ama essa garota, e está disposto a mudar para ficar com ela. Mas será se ele consegue?

Fiquei olhando o quarto sob a luz difusa, pensando nas consequências, me perguntando se eu conseguiria dizer não a Travis se ele mudasse de ideia. Fechei os olhos com força e então me afastei da beirada da cama, virando o cobertor. Ele subiu na cama comigo e rapidamente me abraçou com força. Seu peito nu subia e descia com a respiração irregular, e me amaldiçoei por me sentir tão em paz encostada em sua pele. (Página 296)

 Se você ama ler new adults esse livro é para você. Esse foi o primeiro do gênero que eu li e eu amei! Mas vale ressaltar que ele é indicado para os maiores de dezoito anos. Sabem como é, quem avisa amigo é.

Ah! O livro foi lançado no Brasil pela editora Verus, e foi escrito pela incrível da Jamie McGuare. Espero que vocês curtam a leitura, e caso já tenham lido comentem aqui o que vocês acharam.

Samila Bezerra
Samila Bezerra

Estudante de Arquitetura na Universidade Federal de Alagoas, é apaixonada por livros e quer conhecer o mundo...

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *