PARA SEMPRE ALICE | LISA GENOVA – NOVA FRONTEIRA

para sempre alice

Meus ontens estão desaparecendo e meus amanhãs são incertos. Então para que eu vivo? Vivo para cada dia. Vivo o presente. Num amanhã próximo, esquecerei que estive aqui diante de vocês e que fiz este discurso. Mas o simples fato de eu vir a esquecê-lo num amanhã qualquer não significa que hoje eu não tenha vivido cada segundo dele. Esquecerei o hoje, mas isso não significa que o hoje não tem importância. (Página 241)

 Oi! Sabe aqueles livros que quando você termina da aquela sensação de que todo mundo deveria ler? Eu sentir isso com o livro “Para sempre Alice”, da escritora Lisa Genova. Eu assisti ao filme no começo do ano, afinal de contas queria saber o porquê à talentosíssima Julianne Moore ter ganhado o Oscar com ele. Depois de assistir vi que o prêmio foi merecido. Quando eu assisto algo que gosto bastante e descubro que tem o livro geralmente coloco ele na listinha de livros futuros e foi isso que eu fiz quando soube de “Para sempre Alice”, mas eu não precisei comprar, a minha irmã me deu de presente no meu aniversário e graças a ela eu pude ficar bastante emocionada com a estória.

Essa maravilhosa obra traz a estória de Alice, uma importante professora de Harvard de apenas 50 anos que do nada começa a se esquecer de quais aulas dará em um determinado dia, esquece quem é uma pessoa que há poucos segundos foi apresentada a ela e principalmente se perde completamente a poucos metros de sua casa. Com medo de tudo isso que anda acontecendo Alice procura o médico e após uma bateria de exames e consultas descobre que possui a doença mais horrível de todas: o Alzheimer.

Alice precisa contar para a família tudo que anda enfrentando, ela recebe o apoio do marido e dos três filhos, mas como sabemos essa doença só tende a piorar e é triste vê tudo que acontece com a personagem principal; para vocês terem noção ela não consegue fazer suas corridas que ela já estava acostumada há muito tempo, e em certos momentos se esquece completamente onde fica o banheiro.

É doloroso ver o que o Alzheimer causa. Em certo momento do livro Alice compara essa doença com o câncer, diz que apesar de ser doloroso ela preferia enfrentar o câncer ao invés da doença que possui, já que pelo menos haveria uma chance de se curar. Apesar de também ser uma doença horrível não posso deixar de concordar com Alice, afinal de contas deve ser horrível saber que a cada segundo que passa você está condenado a se esquecer de tudo, principalmente das pessoas que você ama. Além disso, perder completamente a noção de tudo que estar ao seu redor.

Uma das coisas mais lindas desse livro é a aproximação que ela tem com a sua filha mais nova, a Lydia (que no cinema foi interpretada pela Kristen Stwart) ela e a filha não se davam muito bem já que Alice vivia falando que a menina precisava fazer uma faculdade, mas na verdade a garota queria apenas atuar. Foi na dificuldade causada pela doença que as duas passaram a se unir, é triste quando Alice não reconhece a filha, mas com toda a calma do mundo a menina permanece ao lado da mãe.

-Acho que, mesmo que um dia não saiba quem eu sou, você ainda saberá que eu a amo.

-E se eu a vir e não souber que você é minha filha, e não souber que você me ama?

-Nesse caso, eu lhe direi que a amo, e você acreditará em mim. (Página 218)

Ai, gente, leiam esse livro ou simplesmente assistam ao filme, vocês vão adorar essa estória que traz a realidade que infelizmente muitos de nós estamos sujeitos a sofrer. Eu super recomendo essa leitura porque sinceramente ela é maravilhosa. Ah! Preciso desabafar com vocês, eu necessito comprar outro livro. O meu foi edição econômica que vende na AVON e pela primeira vez (eu já comprei VÁRIOS livros na AVON) veio faltando dois capítulos ou três, simplesmente, dois capítulos foram repetidos. Gente eu fiquei bastante triste. Eu já queria comprar outro por causa da capa, eu achei linda e com um significado maravilhoso a que tem borboletas, mas depois desse acontecimento eu preciso comprar outro livro. Não que o que tem a capa da Julianne Moore seja feio, pelo contrário, é lindo. Mas sinceramente eu prefiro as capas sem serem as comemorativas. PORÉM, não deixem de ler o livro por causa da capa. Vocês irão amar e se envolver bastante com essa obra que foi lançado no Brasil pela editora Nova fronteira. Boa leitura gente. =)

 VITRINE

PARA SEMPRE ALICE – LISA GENOVA |  EDITORA: NOVA FRONTEIRA |  VALOR: R$ 17,80

Samila Bezerra
Samila Bezerra

Estudante de Arquitetura na Universidade Federal de Alagoas, é apaixonada por livros e quer conhecer o mundo...

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *